O Âncora dos Fatos, iniciativa que tem como foco o combate à desinformação, lança na sexta-feira, 1, o Monitora Paraná. A ferramenta foi desenvolvida com o objetivo de monitorar conteúdos com tendência à desinformação e ou em grande volume de publicação em 130 canais no Youtube de políticos, candidatos, ex-candidatos e personalidades do Paraná.

Como funciona o Monitora Paraná

O monitoramento do Youtube é feito com base em uma lista oficial do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) nos canais de políticos paranaenses, os quais concorreram a cargos nas últimas eleições. A partir de quatro termos escolhidos pela equipe do Âncora dos Fatos, passa a ser monitorado o volume de publicações dessa lista sobre os assuntos específicos.

O resultado, exibido em um gráfico, mostra o número de publicações desses canais no Youtube relacionados a cada um dos termos escolhidos. As chamadas e imagens dos vídeos, mapeados também conforme a publicação dos termos selecionados, são exibidas na lateral da ferramenta, para que o público possa acompanhar e conferir os assuntos de forma detalhada.

Análise dos conteúdos

Com os resultados e a verificação das publicações, são feitas análises sobre o teor dos conteúdos publicados pelos canais das personalidades, a fim de identificar publicações com tendência à desinformação, bem como discurso de ódio ou qualquer outra informação distorcida ou fabricada.

De janeiro a setembro desse ano, os termos STF, Sergio Moro, Lava Jato e Reforma Tributária foram os escolhidos para serem monitorados nos mais de 100 canais filtrados. Isso porque os assuntos nortearam os principais meios de comunicação e foram destaque na mídia.

Nesse período, o Monitora Paraná identificou 213 publicações no Youtube com os termos acima citados. O termo STF foi alvo de 91 publicações em vídeo, a Reforma Tributária teve 53 vídeos, o termo Sergio Moro teve 37 publicações de políticos e o termo Lava Jato resultou em 32 veiculações no Youtube.

Confira na página do Monitora Paraná

Facebook e Instagram

No Monitora Paraná, o público também pode conferir o mapeamento de um assunto do momento e o volume das publicações desse termo a partir das publicações dos políticos paranaenses no Facebook e Instagram. Os dados são coletados do CrowdTangle, uma ferramenta de insights públicos de propriedade e operada pelo Facebook.

Além da identificação e do mapeamento dos assuntos, o Monitora traz matérias específicas sobre os termos do momento, além de conteúdos com checagem sobre os mesmos assuntos. O objetivo principal é que a ferramenta identifique os conteúdos tendenciosos a “fake news”, mas sobretudo, contribua com o combate à desinformação.

O desenvolvimento do Monitora Paraná foi viabilizado através da seleção para obtenção de recursos e mentorias técnicas do Programa Acelerando Negócios Digitais da Meta por meio do IFCJ.